Livro ‘O Caderno Rosa de Lori Lamby’ por Hilda Hilst

Polêmico, subversivo e implacável da primeira à última página, este livro deu início à fase obscena da autora de Júbilo, memória, noviciado da paixão. Aos sessenta anos de idade, quatro décadas depois de estrear como poeta e inconformada com a tímida recepção de sua obra, Hilda Hilst tomou uma atitude radical. Em 1990, com O caderno rosa de Lori Lamby, resolveu se despedir da “literatura séria” e se dedicar a escrever “adoráveis bandalheiras”. A narradora, Lori, é uma menina de oito anos que decide se prostituir, com o consentimento dos pais, e registrar tudo ― tudo mesmo ― em seu diário...
Editora: Companhia das Letras; 1ª edição (17 maio 2021)
Capa comum: 80 páginas
ISBN-10: 6559210553
ISBN-13: 978-6559210558
Dimensões: 14 x 0.9 x 21 cm

Marcações: ,