Livro ‘Razão x Religião’ por Omar Ferri

Baixar PDF 'Razão x Religião' por Omar Ferri

“Dos livros que li sobre o tema, posso afirmar que este é o mais abrangente, o mais desafiador.” – Alexandre Garcia. Este é um livro que nasce da dúvida, terreno que muitas religiões enxergam como “perigoso”. No momento em que o homem raciocina, sobrevém-lhe questionamentos, que, bem ou mal, terá que tentar responder. Se o homem aceitasse inteiramente as concepções religiosas no que se refere aos mitos de criação, isso seria suficiente para dar respostas definitivas às suas dúvidas. Porém, a vida não encerra apenas o sentido religioso. Existem aspectos sociais, culturais e, enfim, o processo educativo, todos estreitamente relacionados com as preocupações humanas. Esta obra, cuja intenção é muito mais lançar provocações do que estabelecer verdades absolutas, parte da quase sobrenaturalidade do Big Bang, analisando então as complexas equações físico-químicas que determinaram a criação da matéria e da vida…

Editora: ‎Citadel; 1ª edição (24 abril 2023); Páginas: ‎288 páginas; ISBN-10: 6550472016; ISBN-13: 978-6550472016; ASIN: B0C1HG4CTQ

Clique na imagem para ler o livro

Biografia do autor: Omar Ferri nasceu na cidade de Encantado (RS) em 30 de abril de 1933. Formou-se em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), em 1957. Exerceu a advocacia em Encantado e Porto Alegre; também ocupou o cargo de Procurador da Fundação Brasil Central durante o governo João Goulart, quando foi demitido por determinação do Comando Militar de Brasília, em virtude de uma viagem a Cuba. Retornando a Porto Alegre após ser afastado do serviço público, Ferri foi preso duas vezes: na primeira delas, por três dias, pelo Exército, no Chuí, numa ocasião em que foi visitar Leonel Brizola no Uruguai; na segunda vez, ficou preso por 24 horas no Departamento de Ordem Política e Social (Dops). Atuou em diversas causas penais com repercussão internacional, sobretudo o caso conhecido como “Sequestro dos Uruguaios” (1978), trabalhando como advogado de Lilián Celiberti e Universindo Rodríguez Díaz, uruguaios sequestrados em Porto Alegre, num episódio que ficou marcado por revelar uma conexão repressiva entre as ditaduras do Cone Sul – especificamente a Operação Condor. Também foi vereador em sua cidade natal e deputado estadual. Sempre atuando em defesa dos Direitos Humanos e de presos políticos, obteve o Prêmio Direitos Humanos pelo Centro Alceu Amoroso Lima para a Liberdade, em 1987. Autor de obras sobre Direito, dentre elas o Manual de Direito Tributário, atualmente é procurador autárquico aposentado. Publicou também os livros Sequestro no Cone Sul: o caso Lilián e Universindo, A verdade revelada e Populismo e cleptocracia.


Tags: ,